PUBLICIDADE

Coluna | INSS & Você
INSS
Este espaço é para falar de assuntos relativos à Previdência Social. Aqui, vamos informar sobre os benefícios previdenciários disponíveis à população, assim como a importância de se filiar ao Regime Geral de Previdência Social e manter suas contribuições em dia.
 
Confira como está funcionando a prova de vida do INSS
05/05/2022
 
Uma das mudanças mais importantes para os beneficiários do INSS, em 2022, se refere ao procedimento de prova de vida. Agora, quem recebe benefício do Instituto não tem mais a obrigação de fazer a comprovação presencial na rede bancária.

A mudança não significa que a prova de vida acabou e sim que ocorreu uma alteração na maneira dela ser realizada. A partir de agora, o INSS vai cruzar informações de várias bases de dados, como as dos governos federal, municipal e estadual. Serão considerados dados como votação em eleições; registro de transferências de bens; vacinação; consultas pelo Sistema Único de Saúde; ou renovação de documentos como RG, carteira de motorista ou passaporte.

Se identificar algum registro nos 10 meses posteriores ao aniversário do segurado, o INSS considerará o beneficiário vivo. Já nos casos em que não conseguir informações que comprovem que o cidadão está vivo, nesse período de 10 meses, o INSS irá convocar o segurado para fazer o procedimento, de preferência por um dos meios eletrônicos. O Instituto poderá ainda designar um servidor ou um parceiro para fazer a comprovação.

É importante esclarecer que a prova de vida continua e é fundamental para evitar fraudes e pagamento de benefícios indevidos. O que mudou é que o procedimento passou a ser de responsabilidade do INSS. É também necessário destacar que a prova de vida na rede bancária ainda pode ser realizada, mas agora como uma ação voluntária do beneficiário. Também continua disponível, no aplicativo do MEU INSS, a comprovação para os beneficiários com biometria facial registrada no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) ou no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Essas formas de comprovação de vida continuam válidas e serão consideradas pelo INSS.

Suspensão - O calendário previsto para a realização de prova de vida de quem não conseguiu realizar o procedimento em 2019 e 2020 se encontra suspenso. Até 31 de dezembro de 2022, não haverá bloqueio de pagamento por falta da comprovação de vida.

Em caso de dúvidas, ligue para a Central 135, que funciona de segunda a sábado, de 7h às 22 horas. Ou acesse na internet: www.gov.br/inss.

 

 
Comente o Artigo
 
Últimos artigos deste colunista
05/05/2022
27/04/2022
30/03/2022
23/03/2022
« ver todos
 

Home | Notícias | Entretenimento | Expediente | Privacidade | Anuncie Aqui

Varginha Online - © 2000-2022


Provedor e Parceiro Oficial
IPHosting